/ COMPUTER SCIENCE

Programador — No Centro da era Digital

Programador é aquele cara que exerce uma profissão que está no centro da era digital. O programador programa computadores, desenvolve softwares para os mais diversos fins. Basta imaginar o número quase infinito de coisas onde aplica-se software, que vai desde os grandes computadores que chegam a ocupar um prédio inteiro aos chips minúsculos nos cartões de crédito ou dispositivos ainda menores que são implantados sob a pele.

No vídeo uma reportagem bem interessante do Olhar Digital sobre a profissão de Programador. O Olhar Digital entrevista alguns profissionais da área e mostra um pouco sobre a profissão que vem ganhando bastante notoriedade ultimamente. A profissão de programador está cada vez mais valorizada e é uma boa aposta para quem quer aprender novas habilidades e conquistar o mercado de trabalho.

A primeira programadora - Coriosidade

A primeira programadora

Condessa de Lovelace ou Ada Lovelace como é mais conhecida, é historicamente considerada a primeira programadora. Ela foi a primeira a desenvolver um algoritmo para implantação em um computador, a máquina de análise de Charles Babbage, em outubro de 1842. Veja mais informações sobre ela na Wikpédia.

O Programador e as Principais Linguagens de Programação

Para programar é necessário que o profissional domine determinadas linguagens de programação. É dessa forma que o programador dá instruções ao computador para que ele execute as mais diversas funções. Ao clicar em um botão com o mouse, por exemplo, precisou que um programador criasse a função a ser executada quando o usuário aciona tal botão.

Existe uma vasta lista de linguagens de programação e elas também se dividem de acordo com sua aplicação. Umas são mais usadas pelos programadores para programação em Desktop, enquanto outras tem sua aplicação para a criação de sites, outras para dispositivos móveis, como os celulares e ainda tem aquelas que os programadores usam para criar Firmwares que fazem a interação entre sistema operacional e Hardware.

Programadores programam de tudo

É muito comum profissionais trabalharem em equipe. Inclusive programadores de diversas áreas trabalhando juntos para desenvolver sistemas complexos que envolvem as plataformas WEB, Desktop e Mobile.

  • Programador Web: O programador web cria sistemas que rodam na internet, tais como sites, portais que oferecem serviços online, aplicativos web e outros. Utiliza linguagens como HTML, CSS, Javascript, PHP, ASP.

  • Programador Desktop: É aquele programador que desenvolve programas/aplicativos para computadores pessoais, os chamados desktop esse programador utiliza geralmente linguagens como: Pascal, C, C++, VB, C# e VB.NET, Java.

  • Programador de Jogos: Os programadores de jogos são atualmente muito populares devido a grande demanda do mercado por este profissional. Mas não pense que eles desenvolvem jogos apenas para videogame.

  • Programador/Desenvolvedor de Aplicativos Móveis: O mercado de Aplicativos móveis tem crescido de maneira espantosa nos últimos anos. O Programador que se especializa nessa área pode desenvolver softwares específicos para Smartphones, Tablets e outros dispositivos móveis.

Programador no Mercado de Trabalho

O mercado de trabalho para um programador é vasto. Não é a profissão do futuro, nós já estamos nesse futuro. A cada dia que passa dependemos mais dos computadores e de quem os programe. Os bancos por exemplo são dependentes de bons programadores, cientistas da Computação e Matemáticos para desenvolver softwares e sistemas seguros para proteger as contas e transações de seus clientes. Estamos caminhando rumo a era das explorações espaciais, viagens para outros planetas e tudo que foi ficção cientifica um dia, está prestes a se tornar realidade. Saiba que o programador é peça chave para esse desenvolvimento tecnológico.

A internet foi por um tempo ignorada, mas hoje as empresas, grandes e pequenas sabem o poder que a internet tem para gerar negócios. O que aquece bastante o mercado de Criação de Sites. A mão de obra humana vai aos poucos sendo substituída por máquinas, que obviamente precisam ser programadas, e por ai vai. Onde se vê tecnologia, sistemas de softwares, lá está o programador.

Existe sempre aquele debate sobre o programador ser ou não formado. Mas contribuindo com minha experiência pessoal e profissional, posso dizer que é possível aprender a programar sozinho lendo bons livros, pesquisando na Internet e o mais importante, que é treinar e praticar muito. Mas esse conhecimento pode ser enriquecido através de um curso formal, de Ciências ou Engenharia da Computação (para citar apenas os mais conhecidos). É fundamental para estabelecer bases sólidas de conhecimento.

Conclusão

Conforme a sociedade evolui e a tecnologia avança, devem surgir novos mercados e profissões, ao passo que outras devem desaparecer. Em todas as áreas do conhecimento existem problemas, eventuais crises, mas também toda uma gama de possibilidades para quem sabe aproveitar seu conhecimento e está sempre avido por aprender e se reciclar. A profissão de programador está cada vez mais valorizada e é uma boa aposta para quem quer aprender novas habilidades e conquistar o mercado de trabalho.

lucianobragaweb

Luciano Braga

Hi there, I'm Luciano Braga and I'm a Full Stack Developer and student of Computer Science. I use this website to post about code, web technologies and others things as algorithms for sample. You can see my projects on GitHub.

Read More